Assessing the potential role of CSP for the northeast power system of Brazil

Armazenamento
Desafio
Geração Híbrida

Assessing the potential role of CSP for the northeast power system of Brazil

Uma das tecnologias que se destaca como uma alternativa para proporcionar flexibilidade a sistemas de energia com grande penetração de energia renovável variável (VRE), especialmente para regiões com alta irradiação direta normal (DNI), são as plantas de energia heliotérmica acopladas a Sistemas de armazenamento de energia térmica (TES) e back-up (BUS).

O Brasil pode desenvolver essa tecnologia no país, especialmente na região Nordeste, onde a maior parte da capacidade de VRE está sendo implantada e onde reside a maior parte do potencial HLT do país. Este trabalho aplica o Modelo de Expansão de Capacidade REMix-CEM, que permite considerar as restrições de despacho de usinas térmicas. O REMix-CEM calcula a configuração ótima da planta HLT e sua estratégia de despacho a partir de uma perspectiva de planejamento central.

Os resultados mostraram que a hibridização de plantas HLT com biomassa jurema-preta (CSP-BIO) torna-se uma opção de menor custo para o Brasil até 2040. A CSP-BIO contribui para o sistema de energia do Nordeste, regularizando o desequilíbrio energético decorrente da grande escala VRE, juntamente com as centrais de energia convencionais inflexíveis. As plantas da CSP-BIO são capazes de aumentar a resposta em frequência e serviços de reserva operacional e podem fornecer a flexibilidade adicional que o sistema de energia do Nordeste do Brasil exigirá no futuro.

Para acessar o estudo, clique aqui.

Assessing the potential role of CSP for the northeast power system of Brazil
Tobias Fichtera
Rafael Soria
Alexandre Szklob
Roberto Schaefferb
Andre F.P. Lucenab
2017
English
Estudos